terça-feira, 1 de janeiro de 2008

Quem Somos

Plataforma Centenário da Republica

A Plataforma Centenário da República é uma iniciativa de um grupo de cidadãos independentes que, tendo em vista as próximas celebrações dos cem anos sobre a revolução republicana de 5 de Outubro, se reúne para uma abordagem histórica séria ao tema em contraponto às comemorações oficiais e a cem anos de propaganda e mistificação.

Direcção:
Carlos Bobone e João Távora


Direcção: Carlos Bobone e João Távora

Fundadores:Carlos Bobone
Duarte Calvão
João Távora
Nuno Pombo
Paulo Cunha Porto


Colaboração:Daniel Nunes Mateus
Jacinto Bettencourt
José Tomaz Mello Breyner
Jacinto Bettencourt
João Afonso Machado
João Amorim
João Gomes
João Mattos e Silva
João Vacas
João Saldanha
Lourenço Pereira Coutinho
Luís Aguiar Santos
Luís Bonifácio
Luís Barata
Mafalda Miranda
Barbosa
Mendo Castro Henriques
Nuno Castelo Branco
Nuno Resende
Pedro Guedes
Ricardo Gomes da Silva
Ricardo Pinheiro Alves
Rui Monteiro
Samuel Paiva Pires
Simão Reis Agostinho
Tomás Caldeira Cabral
Vasco Rosa

Contactos:

mail@centenariodarepublica.org

Telef.: + 351 213 423 249 (da parte da manhã)
Tlm.: + 351 917 230 212 (todo o dia)

bibliografias livraria bizantina
gestão de conteúdos -
páginas e letras

6 comentários:

A disse...

Relação confirma envolvimento de Ricardo Rodrigues com "gang internacional". Pois este ricardo acaba de ser eleito pelo parlamento para integrar as secretas portuguesas. Desconfio que vai ter o cognome de "ricardito ganguista". É o máximo da ética republicana. Viva a ética republicana.

José Barbosa disse...

As minhas palavras são de apoio e ânimo a esta iniciativa na defesa dos valores que estiveram na base da edificação de Portugal.
Vivemos hoje dias semelhantes aos vividos há cem anos atrás. Escondidos numa farsa a que chamam democracia, os republicanos de hoje revivem os momentos aureos da decadência, da fraude, da incapacidade, da corrupção, da prepotência e do vazio de valores morais, sociais e patrióticos.
Sou monárquico porque sinto um orgulho muito grande nos oitocentos anos de história, cheia de bravuras e propósitos, que a monarquia nos deixou, que constrastam claramente com o período de decadência vivido nestes últimos cem anos de república.
Reivindiquemos uma nova monarquia. Reivindiquemos os pilares que tornaram Portugal o simbolo da modernidade, abrindo ao mundo as portas da civilização, do progresso, da tolerância.
Construamos uma nova ordem social, e instituamos o amor ao próximo como a única regra jurídica válida e a caridade como motivação de vida.

Julio Pereira disse...

Mais um Blog de betinhos monarquicos ressabiados...

Sandrine disse...

Antes betinhos e ressabiados, do que amorfos e resignados!
Não aceito a republica, pois foi nos imposta por um grupo de agitadores auto-proclamados de iluminados, associados a terroristas e incitadores de assassinos!
Não apaguem a memória! Parabéns pelo blog, é um contributo para a divulgação da verdade histórica!

Lurdes Gonçalves Pereira disse...

E o que não falta mais aí são betinhos republicanos ressabiados.
Despeito ou receio, Sr. Júlio?

SChainho disse...

Venho só aqui para fazer das palavras de José Barbosa as minhas palavras, se ele deixar, é calro! Força! Viva o Rei! Viva!