domingo, 14 de dezembro de 2008

Hoje...


...completam-se 90 anos sobre o assassinato de Sidónio pais, vítima de um atentado, na Estação do Rossio, em 14 de Dezembro de 1918. Ver mais>>>

5 comentários:

Nuno Castelo-Branco disse...

Os republicanos devem ter sentido enorme regozijo, pois esse tipo de actos foi por eles introduzido em Portugal. Com o que não contavam era com o efeito boomerang: Granjo, Machado Santos, Ribeira Brava, etc, etc...

Anónimo disse...

O Sidónio era o Mussulini português que nao conseguiu vingar. Entre uma ditadura fascista dos camisas negras e uma ditadura beata e campónia do Salazar venha o diabo e escolha. Agora não venham cantar hossanas ao Sidónio, porque com ele isto iria acabar ainda pior do que com Salazar.

space_aye disse...

Anónimo:
Apoio totalmente!

Anónimo disse...

A poia totalmente spaciana :)

Rui Monteiro disse...

Para quem não sabe ou quem não lê outro jornal para além do fax do WC, Sidónio País disse uma vez que se tinha inspirado no modelo Americano! Ser católico e republicano era ser fascista ? ... pois e Afonso Costa devia ser Estalinista ! perseguia o Povo português como Estaline matou os Polacos !