sexta-feira, 17 de abril de 2009

Afonso Costa e as "liberdades" do povo

O golpe de 27 de Abril de 1913 marca o inicio da guerra aberta entre republicanos.

Vários atentados contra a figura de Afonso Costa levam este a organizar uma policia "voluntária" constituida por elementos de antigas associações secretas e revolucionárias, qu impõe a "tarefa de velar pelo novo regime, apoiar e proteger os chefes republicanos".

Esta nova "policia" de nome «Formiga Branca» teria como principal objecto proteger Afonso Costa contra o crime de «Lesa chefe do Governo»

Photobucket


Este cartoon de Stuart Carvalhais publicado na "Lanterna" ilustra os exageros da acção desta milícia. Na gravura, o Nazareno, bem seguro entre as mãos de um bufo de «Formiga Branca» e de um guarda da Policia Civil é conduzido à presença de Afonso Costa.

bem haja

1 comentário:

Ruca disse...

Como é possível alguns ainda hoje se reverem na 1ª República ... o Estado Novo ainda foi mais "democrático"