quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

Centenário da República: ontem e hoje

Ontem chamei-te incompetente. Ontem minei-te o poder dentro do nosso Partido. Ontem mandei-te tirar a minha foto do cartaz. Ontem quebrei o teu valor facial, tornando-te má moeda.

Hoje fiz-te grã-cruz. Para que te cales e não me estragues o projecto.

10 comentários:

Ricardo Gomes da Silva disse...

bolas!...esse cartaz está bestial!

bem haja

Anónimo disse...

Óptimo post!
Parabéns!

Foi pena, do outro lado, não ter havido a coragem de recusar!

Isso, eu teria gostado de vêr!

Mia

João Amorim disse...

Uma república de "bom-bons".

Nuno Castelo-Branco disse...

Já agora, o poster é uma vez mais, da autoria do José Barreiros, do Blog de Leste.

Paulo Selão disse...

Excelente post sem duvida. Quanto ao anónimo que refere «... não ter havido a coragem de recusar» só revela uma coisa: que esses personagens são tudo farinha do mesmo saco e neste caso até é (PSD). Claro que não recusaria. Toda esta gente da república (com casos pontuais entenda-se) quer é prebendas, regalias, privilégios e honrarias mesmo que no limite sacrifiquem... a honra.

Laurus nobilis disse...

Parabéns ao autor pelo excelente trabalho.

Daniel Nunes Mateus disse...

E certas vozes têm coragem de dizer que os membros da causa monárquica andam atrás de títulos nobliarios

Daniel Nunes Mateus disse...

E certas vozes têm coragem de dizer que os membros da causa monárquica andam atrás de títulos nobliarios

cristina ribeiro disse...

Muito bom, Nuno. Tal como a Mia eu teria gostado que recusasse.

Abrilistasanonimos disse...

Eu não dou parabéns.
Tomei a liberdade de transcrever, com o link, no meu blog.