sexta-feira, 10 de julho de 2009

E-mail enviado à Comissão de Comemoração de um acto terrorista

Caros Amigos

Para vosso conhecimento :

de : José Tomaz de Mello Breyner
para : comissao@centenariorepublica.pt

data10 de Julho de 2009 21:30
assunto : Como é possivel?
enviado porgmail.com 21:30


Boa Noite

Gostaria de saber como é possivel este País ir comemorar brevemente uma data tão triste e tão vergonhosa? Como escreve Nuno Castelo Branco :

Jamais ousando enfrentar a proverbial coragem física de D. Carlos, os republicanos optaram pelo dedicado e imaginativo serviço de sapa a cargo dos chamados "publicistas", fazendo circular milhares de folhetos e literatura de cordel com claras alusões a membros da Casa de Bragança, num laborioso processo que mais tarde seria imitado por Lenine. Num outro nível, o dos geralmente estrangeirados intelectuais dos círculos literários lisboetas, as afrontas somavam-se em textos mais cuidados, sem que por isso se perdesse o sentido de uma violência inaudita, que provindo de certa gente ganhava auras de maior respeitabilidade e perigo. Nada de estranho nesta nossa sociedade da "informação a todo o custo".
Sabemos o que uma inextricável situação de abuso de imprensa, impunidade pelo apelo à subversão da Lei pela violência verbal e física, fez desabar sobre a sociedade portuguesa: um sangrento golpe de Estado que liquidou o regime e conduziu a um infindo rol de brutalidades, volatilização de liberdades pessoais e colectivas, ruína económica e esmorecimento de um espírito cívico que lentamente se consolidava ao longo de décadas de normalização de um regime constitucional perfeitamente adequado à Europa daquela época. A final reacção ao estado de coisas - à chamada Demagogia que transformara Portugal num lugarejo idêntico à Albânia dos nossos dias -, mais tarde impôs um regime que se prolongou pela maior parte do século XX e cujo percurso e consequências todos conhecemos.


Acham que perante tudo isto há alguma coisa para comemorar? Por mim deviamos era tentar que a data passasse o mais despercebida possivel pois é uma data que envergonha qualquer pessoa séria e de bem.

Se quiserem informar-se melhor sobre o que os Senhores se propoêm celebrar, se quiserem informar-se sobre o que foi a 1ª Republica, podem visitar esta página : http://centenario-republica.blogspot.com/ ou mesmo esta : http://www.centenariodarepublica.org/centenario/ .

Quanto à publicidade façam favor de a fazer porque como diz João Távora, administrador destas 2 ultimas páginas :

Resta-nos a satisfação de verificar que sempre que a Comissão das Comemorações se manifesta publicamente nos grandes meios de comunicação a respeito do seu Portal, o numero de visitas à nossa modesta plataforma na Internet disparam.


Ás vezes tenho vergonha de ser Português, pois só neste País de bandalheira se celebra com pompa e circunstância um acto de terrorismo como foi o 5 de Outubro de 1910. Como não conseguiram ganhar nas urnas, usaram as balas para imporem a sua vontade. Os Senhores ao comemorarem e promoverem as comemorações desta data são coniventes com os terroristas.

Com os melhores cumprimentos

José Tomaz Pereira de Mello Breyner