quinta-feira, 30 de julho de 2009

A República já prepara mais um morto.


Na sequência da "requalificação" da Praça do Comércio, em Lisboa, que será uma das obras-emblema das Comemorações republicanas de 2010, o café Martinho da Arcada, mítico lugar das letras, poderá vir a sucumbir ao reordenamento local. É o toque de Midas, mas ao contrário. Os republicanos burocratas e e as suas megalómanas comemorações e evocações, em tudo o que tocam, estragam. Ou transformam em algo bem menos valioso do que o ouro. Ler aqui.

2 comentários:

Nuno Castelo-Branco disse...

Que merda de gente.... não há maneira de irem para as Caraíbas gozar os milhões?! Partam à vontade que a gente deixa-os ir em A330 e de 1ª classe. Desde que não voltem, claro!

Daniel Nunes Mateus disse...

Só nós podemos fazer barulho para impedir, este "atentado bombista"