quarta-feira, 1 de outubro de 2008

ANACRONISMOS e CRONOLOGIA



Tendo em conta o que foi dito no Almanaque das Tretas referente à apresentação da Plataforma do Centenário da República, gostaria de deixar alguns factos.

O Povo esquece que o constitucionalismo nasceu com a Monarquia, morreu em 1910 e só renasceu em 1974. Os Chefes de Estado antes de 1974 eram eleitos pelos deputados e não pelos cidadãos eleitores.

Antes de 1910 existiam 950 mil eleitores inscritos, em 1911 passaram a ser 400 mil e só o podiam fazer se fossem chefes de família civis e que soubessem ler e escrever. Grande democracia, realmente a história é feita pelos vencedores e não pelos vencidos. 
O Povo também esquece que de 1910 a 1974 as mulheres no regime republicano não tinham direitos, não podiam votar, o dever delas era tomar conta da casa e dos filhos. Para culminar só faltava o símbolo do regime ser uma mulher de peito ao léu simbolizando nada mais de que a mulher era uma escrava ... parece mesmo pornográfico.

Vivemos em democracia que não foi inventada em 1910. Falou-se em censura pois ... antes de 1910 havia censura depois de publicado o texto, com Afonso Costa passou a haver censura prévia, curioso não ? Curioso é também saber que muitos operacionais da PIDE foram da Formiga Branca de Afonso Costa. Curioso é tentarem colar o regime do Estado Novo à Monarquia ... mas Salazar não era monárquico. 

Afinal quem era o rei se para alguns o Estado Novo não era uma república ?


6 comentários:

space_aye disse...

Es mesmo burro não és?
Sempre a bater na mesma tecla como se fosses um jumento. Sempre a abanar a cabeça como os burros.
Então a figura feminina da República não significa nada para ti a não ser uma mulher escrava.
Es mesmo triste!
É k no tempo da monarquia a mulher era tratada de modo diferente.
Não precebes que tem a ver com a época, burro?
E a República era muito melhor democracia do que a monarquia, em que era o rei que decidia quem ganhava e só podiam ganhar dois partidos e eram os 2 monarquicos.
Porque se fosse o povo burro e analfabeto votava sempre o mesmo e dava a ideia aos mais cultos que ficava tudo na mesma.
Era importante para o rei parecer que havia uma verdadeira democracia e portanto os partidos no poder nao eram sempre os mesmos.
De facto Salazar era um monarquico, as eleiçoes dele eram iguais ás do tempo da monarquia, ou seja, só fachada.
Antes votarem menos de metade da populaçao do que votarem quase todos e tudo acabr por ser decidido apenas por um.
Enfim, merceias era o destino do rei.

Anónimo disse...

Mais uma vez, meu caro space_aye, uma afirmação precipitada, que com facilidade é contrariada por factos. Por exemplo, é falso que só houvesse dois partidos e monárquicos na época da Monarquia. Tanto basta que a câmara de lisboa estava então entregue ao Partido Republicano...
É como as torturas ao meu tio. Entrou na cadeia com 10 dedos e saiu com 9...

Rui Monteiro disse...

Burro ? Essa é fixe pá, típico dos republicanos ... quando não têm argumentos ofedem. Coitadinho ( vê o significado de coitado no dicionário ) de ti Space por acaso estás com um crise de identidade ? Ultrapassaste o Complexo de Édipo ? Tem cuidado porque senão ainda acabas como o José Castelo Branco.

Não edites um CD por favor

space_aye disse...

Rui nem te respondo, és muito def. Mas pssso-te caracterizar mais:
És o tipo de menino riquinho que sempre andou em coleginhos privados e de fereiras e que adoras armar-te em sabio mas és um idiota chapado.

Quanto ao anónimo que suponho ser aquela senhora que falou do tio num outro post (não me recordo do seu mome peço desculpa), digo-lhe o seguinte:
Eu disse partidos sem dizer o republicano não por desconhecimento mas porque esse um jamais iria ganhara as eleições porque isso significava o fim do regime, e mesmo que não ganhasse mas conseguisse um grande numero de deputados, a estabilidade do regime ficaria afectada ainda mais e isso o rei não iria permitir porque poderia evita-lo facilmente falsificando os votos.

Anónimo disse...

Oh!. Senhor Space!, mas então eu estou a dizer-lhe que o Partido Republicano ganhou as eleicões para a Câmara de Lisboa! Ganhou! De facto, assim é difícil... Pelo menos faça um google para confirmar antes de falar! Teresa

space_aye disse...

Esta bem, ganhou a camara municipal, mas não ganhou o governo!