sexta-feira, 3 de outubro de 2008

A Folha e Afonso Costa, o ‘anti-Cristo’

Imprensa em Vizeu

A Folha e Afonso Costa, o ‘anti-Cristo’

Texto dePaulo Bruno Alves

A poucos meses da revolução republicana de 5 de Outubro de 1910, o primeiro jornal diocesano de Viseu, A Folha (1901-1911) afirmou que o avanço dos republicanos era cada vez mais real. Nesse sentido, atestou que não terá sido surpresa, para os próprios membros do jornal, os editoriais escritos no fim de Maio de 1909 que descreviam a corrida ao armamento por parte dos republicanos, perante, mais uma vez, a inércia do Governo, uma dupla situação que preocupava, de sobremaneira, os nacionalistas.
Era cada vez mais uma relação de ódio aquela que os católicos mantinham com os republicanos e os sucessivos acontecimentos apenas ajudavam a deteriorar-se cada vez mais.
De certa forma, para o jornal, Afonso Costa representava o ‘anti-Cristo’. As críticas que eram feitas aos republicanos também lhe eram dirigidas, porque ele era visto como o seu chefe máximo. Em Junho de 1909, A Folha apresentou um editorial em que era analisada a conduta «(…) dessa multidão de malfeitores» que, dizia, representava o inimigo da Monarquia e que o jornal comparava com Afonso Costa. Este, sim, era o principal visado nas críticas que o jornal escrevia, dizendo: «(…) [A multidão] estava no Rocio em 4 de maio e em 18 de junho. Não compareceu inteiramente no Terreiro do Paço, em 1 de fevereiro, para não despertar desconfianças e para não fazer gorar a infame emboscada. Mas quinze dias depois comparecia no cemiterio, em apotheose á memoria de dois covardes assassinos [Manuel Buíça e Alfredo Costa]; (…) Nas ruas são constantes os conflitos com os polícias, que, alvejados por pedras, (…) teem de disparar os revolveres para conter os agressores a distancia. Eis o indice da situação actual de Lisboa».

ed. 341, 26 de Setembro de 2008
Jornal do Centro

7 comentários:

space_aye disse...

Não percebo porque chamam a Costa de "o anti-cristo" e o acusam de ser anti-clerical.
Demonstra muita ignorância da época e muito catolicismo fervoroso.

Anónimo disse...

Então Space tem usado muito o seu avental na cozinha ? :)

space_aye disse...

Não, não sou dona de casa.
E o senhor anónimo? Tem feito muitas ilegalidas através do anonimato?

Anónimo disse...

Ah julgava que você era pedreiro livre LOLOLOL

space_aye disse...

Não, nem tenciono ser.
Não tenho grande interesse em pertencer á maçonaria. Mas se a acarbonaria ainda existisse...Lol
E o sr. anonimo? Porque não aderir á Opus Dei?

Anónimo disse...

Ah já sei você é dos Iluminati LOLOL

Anónimo disse...

Como era de prever CENSURA...