segunda-feira, 10 de maio de 2010

Entretanto, numa Monarquia...

9 comentários:

JSM disse...

Pena que nunca estabeleçam (neste caso o jornalista brasileiro)uma relação entre os factos relatados e o regime político vigente. É assim em todo o lado e os telespectadores brasileiros devem pensar que a corrupção de estado é um fenómeno sem causas políticas! Uma espécie de azar brasileiro ou, no nosso caso, português!
Abraço.

Jerónimo Eleutério disse...

Pena que os parlamentares britânicos não tenham também aprendido com os suecos, e tenham andado a meter ajudas de custo indevidas ao bolso...Logo na tão "certinha" monarquia britânica:
"The public is paying for everything from cleaning moats to changing light bulbs. Amid the fury, support for Gordon Brown's party is at its lowest in 65 years". Ver por exemplo
http://www.timesonline.co.uk/tol/news/politics/article6272805.ece

Estou perfeitamente de acordo com JSM: Devemos estabelecer uma relação entre os factos relatados e o regime político vigente, em todos os casos!

JSM disse...

Esperava essa farpa mas há uma pequena diferença nas consequências políticas e nas outras. Nas monarquias a justiça existe, funciona e é (relativamente) independente do poder político. Nas repúblicas, onde todos são eleitos, ninguém é (verdadeiramente) independente para arbitrar ou julgar. O exemplo (diário) português é uma autêntica escola de vida.
Não pode negar esta evidência, Senhor Eleutério. Se o problema não é o regime, então qual é?!

Jerónimo Eleutério disse...

Caro JSM
Seja consequente e tire a conclusão do seu próprio raciocínio. Tenha também cuidado com as "independências" não eleitas pelo povo. Se bem me lembro foi a Câmara dos Lordes que à altura impediu a extradição do ex-ditador Pinochet. E não veja o mundo a preto e branco. Há coisas positivas em todos os regimes que protegem as liberdades.

bicho disse...

Caro Jerónimo

Folgo em saber que não sou o único republicano que por aqui passa.

Já me fiz seguidor e tudo, assim pelo menos dois, sempre somos mais que um...

E quanto ao ultimo comentário... Elementar meu caro Watson !

João Afonso Machado disse...

Caro Nuno, caro Jerónimo:
Não encontram por aí blog onde se discuta mais abertamente a questão Monarquia/ República.
Já nas Cortes de Lamego que «somos livres e o nosso Rei (D. Afonso Henriques) é livre.

bicho disse...

Assim é que é bonito !

Jerónimo Eleutério disse...

É verdade Bicho. Isto sem uns "convidados" republicanos estava a ficar monocórdico. Assim tem mais piada.
Saudações a todos os intervenientes no Blog.

Nuno Castelo-Branco disse...

A intenção é mesmo essa: trazer republicanos para o debate, porque entre nós, já estamos há muito convencidos. Basta visionar o telejornal das 8 para convencer qualquer um! ;)